Não está exatamente claro por que olhar para o pôr-do-sol, estrelas, lua ou céu com alguém especial é romântico, mas simplesmente é. (Se mais evidências forem necessárias, permita-nos apresentar esta cena memorável a Dama e o Vagabundo.) Talvez maravilhar-se com a beleza da natureza e com o vasto mundo à nossa volta nos faz sentir pacíficos e felizes, como devemos aproveitar este momento, apreciar a pessoa com quem estamos. Você pode aproveitar essa sensação na sexta-feira, 31 de julho, quando chegarmos a nossa primeira lua azul desde 2012.

azul moon

Quer mostrar um pouco da ciência da terra sobre esse encontro romântico? Permita-nos compartilhar algumas estatísticas da NASA com você:

  1. Luas azuis não são realmente azuis. (Desculpe.) Fumaça e cinzas podem fazer a lua parecer azul – é por isso que houve relatos de luas azuis após o Monte Santa Helena ter entrado em erupção em 1980, mas neste fim de semana a lua será do tipo perolado cinza.

  2. Uma lua azul acontece quando há duas luas cheias em um mês – a segunda é considerada “azul”.

  3. Não é maluco raro. Uma lua azul pode acontecer a cada poucos anos – tudo depende de como o ciclo lunar (que é 29 dias) se sincroniza com o nosso calendário mensal.

  4. Existe um Coquetel da Lua Azul, que é azul (ou às vezes roxo). E, claro, a cerveja Blue Moon (primeiro chamada Bellyslide Belgian White), que é tipicamente servida com uma fatia de laranja – só para você ter todas as cores cobertas. PS: Não esqueça a música – é um clássico.

  5. Ah, e quando foi a primeira lua cheia deste mês? 2 de julho.

Aproveite este aqui – não teremos outro até 2018. Em janeiro. E quem vai querer estar fora então?

Mais de Glamour: